15 de março de 2010

Recuperação da Biodiversidade no Pico do Areeiro

20100306-es-1a

No Sábado, 6 de Março, 36 voluntários estiveram a trabalhar nos projectos que a Associação dos Amigos do Parque Ecológico do Funchal está a realizar no Pico do Areeiro (na área mais alta do Parque, entre os 1700 e os 1800 metros de altitude) e no Campo de Educação Ambiental do Cabeço da Lenha, localizado entre o Poiso e o Pico do Areeiro a 1550 metros de altitude.

20100306-es-1d
20100306-es-1c

No Pico do Areeiro foi dada prioridade à colocação de tutores nos cedros da Madeira (Juniperus cedrus subsp. maderensis) mais afectados pelos ventos violentos, que nas últimas semanas por várias vezes registaram rajadas superiores a 100 Km/hora.

20100306-es-1b

No Campo de Educação Ambiental foram plantados sanguinhos (Rhamnus glandulosa), perados (Ilex perado), paus brancos (Picconia excelsa), loureiros (Laurus novocanariensis) e teixos (Taxus baccata) nos espaços entre as urzes (Erica arborea, Erica platycodon subsp. maderincola, Erica maderensis), que revelam nesta área uma notável capacidade de autorregeneração.

20100306-rq-1b

Para o próximo dia 20 de Março a Associação tem programada uma grande jornada de plantação. Queremos plantar 1000 árvores e arbustos indígenas!

Este trabalho, iniciado em Outubro de 2001 e que deverá continuar por muitos anos, visa recuperar a biodiversidade do ecossistema montanhoso sobranceiro Funchal, aumentar a infiltração da água e reduzir os efeitos trágicos das cheias repentinas das três ribeiras e das centenas de ribeiros que sulcam o concelho mais densamente povoado da Madeira.

20100306-rq-1a

No Domingo, 21 de Março, Dia Mundial da Árvore e da Floresta, a Associação vai inaugurar a exposição fotográfica “Recuperação da Biodiversidade no Pico do Areeiro” com o objectivo de educar os madeirenses para a importância do retorno do coberto vegetal primitivo à cordilheira central da Ilha após um processo de desertificação de cinco séculos.

0 Comentário(s):

Enviar um comentário

<< Home