23 de novembro de 2005

Campo de Educação Ambiental
do Cabeço da Lenha



A Associação dos Amigos do Parque Ecológico do Funchal, está a iniciar o projecto de criação dum Campo de Educação Ambiental no rebordo ENE da Achada Grande, entre o Poiso e o Pico do Areeiro, num terreno com uma área 53.500 m2 que confronta com o Parque Ecológico, entre os 1500 e os 1535 metros de altitude.

O terreno em causa, conhecido por Montado do Cabeço da Lenha, foi recentemente adquirido ao Dr. Rui Silva, conhecido médico do Funchal, que durante décadas dedicou especial atenção à defesa do património natural da cordilheira central da Madeira. O pastoreio intensivo e os fogos empobreceram o coberto vegetal, necessitando dum trabalho de reflorestação semelhante ao que estamos a fazer desde Outubro de 2001 com visível sucesso junto ao Pico do Areeiro, na zona mais alta do Parque Ecológico.



O projecto, para além da reflorestação com espécies indígenas feita exclusivamente em regime de voluntariado, engloba um circuito pedonal de descoberta da natureza com informação simples mas com rigor científico sobre a origem e evolução geomorfológica da serra encimada pelo Pico do Areeiro, das características climáticas das terras altas, da flora do último andar fitoclimático, da avifauna e dos insectos característicos daquelas paragens.

Pretendemos, igualmente com este projecto, despertar as consciências para a profunda relação entre a floresta e os recursos hídricos, demonstrando no terreno como é possível aumentar consideravelmente a infiltração da água e diminuir os riscos de cheias.

Na propriedade existe uma pequena casa, edificada em 1967, que está a ser recuperada para funcionar como centro de educação ambiental e que em homenagem ao seu antigo proprietário ficará perpetuada com a designação de “Cabana Dr. Rui Silva”.



4 Comentário(s):

Anonymous A Governanta da Cabana escreveu...

Este é mais um daqueles projectos, em que dá o maior prazer acompanhar desde o inicio, porque certamente este campo de educação ambiental vai ficar na história... A julgar pelo entusiasmo com que a equipa se dedica, vai mesmo ficar fabulosa esta área de montanha... Já agora, lembro que observar e dar valor ao trabalho dos outros, é uma tarefa tão ou mais importante que cavar...hehehhe
(A Governanta da Cabana)

24 novembro, 2005 17:07  
Anonymous Espião BisBis escreveu...

A partir do dia 1 de Janeiro do ano de 2006, a Governanta da Cabana será substituída, uma vez que ultimamente não tem comparecido e apresenta falta de empenho no serviço. Contudo a Governanta poderá continuar a confeccionar o podim de Garrafão.

25 dezembro, 2005 18:28  
Anonymous A Governata "revoltada" escreveu...

Parece que temos um espião infiltrado na nossa associação, e ainda por cima muito mal informado :) Se o espião se aproximasse do "local do crime", concerteza iria mudar essas palavras, pois se a cabana está limpa (em todas as divisões)é graças ao esforço desta governanta...

Mesmo que seja despromovida prometo continuar a fazer e servir o licor/pudim que é uma receita que vem desde o tempo de João Gonçalves Zarco e que sirvo com todo o gosto a espiões e detectives atentos... :)

27 dezembro, 2005 17:59  
Anonymous Virgílio escreveu...

Em primeiro lugar apraz-me saudar a chegada de mais um comentador, mesmo um que se diz espião, uma vez que a própria governanta receava que os restantes sócios não participassem criticamente.

E por mim, espero que continuem a pô-la à prova, porque sempre que alguém o faz ela promete logo contribuir com iguarias para as nossas actividades.

27 dezembro, 2005 22:18  

Enviar um comentário

<< Home