23 de novembro de 2012

Venda de plantas endémicas da Madeira
no Mercado dos Lavradores

20121119-vs-1370

Plantas de algumas espécies endémicas da Madeira - gerânios, vinháticos, dragoeiros e tis - poderão ser adquiridas hoje e amanhã - 6ª feira, 23 e Sábado, 24 - na banca da Associação dos Amigos do Parque Ecológico do Funchal no 1º piso do Mercado dos Lavradores, no Funchal.

Provêm do Viveiro de Plantas Endémicas desta associação e custam €2 por exemplar.

Geranium maderense-29.03.10-1m
Gerânio-da-Madeira (Geranium maderense)

Ocotea foetens-23.07.11-1a
Til (Ocotea foetens)

Persea indica-03.06.06-1b (1)
Vinhático (Persea indica)

Dracaena draco-03.04.07-1t
Dragoeiro (Dracaena draco)

“Baía do Funchal - Dinâmicas Naturais e Antrópicas” já à venda

20121119-vs-1358

Foi apresentado no Funchal, na passada 2ª feira, o livro “Baía do Funchal - Dinâmicas Naturais e Antrópicas” de Raimundo Quintal e Nancy Policarpo.

Já se encontra à venda a paritr de hoje nas livrarias de Portugal continental e Madeira, mas poderá também ser adquirido directamente a esta Associação. Se desejar adquirir este livro, poderá contactar a AAPEF pelo e-mail amigosdoparque@gmail.com, enviando pagamento de €12,00 por exemplar, mais €2,55 para embalagem e portes se desejar envio por correio. Poderá efectuar o pagamento por transferência bancária para a conta com NIB 0007-0243-0094-9560-0025-6.

A ficha informativa do livro está disponível no website da editora “Esfera do Caos”.

Capa 171 EdoC Baia_Funchal
20121119-vs-1345

20121119-vs-1357
20121119-vs-1351

20121119-vs-1359
20121119-vs-1366
Raimundo Quintal

20121119-vs-1368
20121119-vs-1370

14 de novembro de 2012

Sessão de lançamento do livro
“Baía do Funchal – Dinâmicas Naturais e Antrópicas”
de Raimundo Quintal e Nancy Policarpo

Convite - Lançamento Baía do Funchal
clique na foto para ampliar

A sessão de apresentação do livro “Baía do Funchal – Dinâmicas Naturais e Antrópicas”, de Raimundo Quintal e Nancy Policarpo, realizar-se-á na próxima segunda-feira, 19 de Novembro, pelas 17:30, no Salão Nobre da Câmara Municipal do Funchal.

Será apresentado por José Manuel Simões, professor catedrático da Universidade de Lisboa.

A ficha informativa deste livro está disponível no website da editora “Esfera do Caos”.

10 de novembro de 2012

Da serra escalvada à serra florida

Foto 10-10.11.12

Com muita persistência e algum saber podemos ajudar o maciço do Pico do Areeiro a recuperar a biodiversidade. Porque acreditamos que é possível transformar a serra escalvada numa serra florida, passámos mais um dia a plantar espécies indígenas adaptadas ao ambiente edafoclimático dos píncaros da Ilha. Plantas que deverão adaptar-se com sucesso às previsíveis alterações climáticas.

O trabalho começou com frio, nevoeiro e chuva miudinha. Por volta da uma da tarde, quando já estavam na terra mais de 500 plantas, as condições atmosféricas pioraram, o que obrigou a uma paragem e a um recuo estratégico até ao abrigo.

Como por magia, em menos de meia hora o tempo transfigurou-se. O céu azul e os raios de sol impeliram-nos para o terreno e às duas e meia, quando o macarrão quentinho foi para a mesa, já estava tudo plantado. Na terra ficaram mais 730 plantas, de 7 espécies indígenas da Madeira, criadas no viveiro da Associação dos Amigos do Parque Ecológico do Funchal, localizado na Quinta Jardins do Lago.

No fim de mais esta jornada, em que estiveram empenhados 31 voluntários, é justo fazer um agradecimento especial a Heike e Torsten Poggenklas, um casal alemão que, desde Outubro de 2010, vem trabalhando com grande entusiasmo neste projecto. Amanhã regressarão à Alemanha, mas em Janeiro cá estarão para mais umas férias activas com a flora da Macaronésia.

Foto 01-10.11.12
Foto 02-10.11.12
Foto 03-10.11.12
Foto 04-10.11.12
Foto 05-10.11.12
Foto 06-10.11.12
Foto 07-10.11.12
Foto 08-10.11.12
Foto 09-10.11.12
Foto 11-10.11.12

Texto e fotos de Raimundo Quintal