30 de abril de 2011

Alteração ao Programa de Actividades:
Passeio pedestre de 7 de Maio

Em virtude de a vereda que liga o Pico do Areeiro ao Pico Ruivo estar encerrada, o passeio pedestre programado para o próximo sábado, 7 de Maio, foi alterado. Sendo assim a nossa próxima visita de estudo efectuar-se-á na zona do Paul da Serra, com o seguinte itinerário:

Campo Grande - Levada do Paúl - Câmara de Carga da Central Hidroeléctrica da Calheta - Levada do Alecrim - Ribeira Grande - Pico dos Assobiadores - Pico Ruivo do Paúl - Estanquinhos.

Distância: 10 Kms, grau de dificuldade 2 (numa escala de 1 a 3).

20 de abril de 2011

Visita de Estudo em Porto Santo:
O Echium portosanctensis

Echium portosanctensis-16.04.11-1a

No Sábado passado, integrado num grupo de 26 elementos da Associação dos Amigos do Parque Ecológico do Funchal, fiz uma visita de estudo no Porto Santo. No Pico Branco, como era expectável, tivemos oportunidade de observar em plena floração muitos exemplares de Echium portosanctensis, um arbusto endémico do Porto Santo, com extraordinárias inflorescências cor de rosa.

Echium portosanctensis-16.04.11-1r

Este Echium só muito recentemente foi classificado como uma espécie diferenciada das espécies há muito conhecidas na Madeira (Echium candicans e Echium nervosum). O artigo científico, onde são revelados os caracteres morfológicos que confirmam a separação das outras espécies do seu género, publicado nos “Anales de Jardin Botánico de Madrid”, vol. 67 (2): 87-96, Júlio-diciembre 2010, é da autoria dos investigadores José Augusto Carvalho, Tânia Pontes, Maria Isabel Batista-Marques e Roberto Jardim.

Echium portosanctensis-16.04.11-2b

O Echium portosanctensis multiplica-se muito bem por semente. As próximas semanas serão o período ideal para colher sementes. Sugiro à Direcção Regional de Florestas e à Câmara do Porto Santo uma campanha de colheita de sementes, seguida duma grande sementeira com o objectivo de disseminar este extraordinário arbusto pelos jardins e estradas do Porto Santo.

Pelo seu valor científico e pelo seu extraordinário desempenho ornamental o Echium portosanctensis ou Massaroco do Porto Santo deveria ser divulgado internacionalmente com a designação de PRIDE OF PORTO SANTO.

Echium portosanctensis-16.04.11-2e

Peço antecipadamente desculpa se estiver a cometer o erro de afirmar que esta extraordinária planta exclusiva do Porto Santo nunca foi usada como imagem forte na promoção turística da Ilha, que padece do estigma da aridez e da falta de flores.

Texto e fotos de Raimundo Quintal